Fechar
Abrir

Agência Lusa é um “instrumento para a recuperação do país”

A presidente do Conselho de Administração da Agência Lusa, Teresa Marques, defendeu hoje a importância do serviço público para a coesão nacional e salientou que a agência de notícias é um “instrumento para a recuperação” do país.

Na abertura da conferência ‘Portugal entre o Rigor e a Audácia’, a primeira iniciativa comemorativa do 30.º aniversário da Agência Lusa, Teresa Marques salientou que o “país está de novo num período difícil da sua história”, mas sublinhou que a “audácia” permite ultrapassar o que parece impossível”.

“Acredito que a Lusa e os seus trabalhadores têm a sua missão enquanto instrumento para a recuperação e desenvolvimento do país”, já que acompanham os portugueses em qualquer parte do mundo, destacou a presidente da agência de notícias.

Teresa Marques acentuou que o apoio do Estado é essencial para que a Lusa continue a desempenhar o seu papel na área da comunicação social e considerou que o serviço público é “essencial para a coesão nacional” e uma condição necessária “para que os portugueses tomem decisões sustentadas”.

Voltar atrás